• Postado: 07 August 2019
  • Categoria: Notícias

SINTEP-PB convoca paralisação e mobilização para o dia 24 de julho

Realizou-se, no dia 05 de julho, mais uma reunião do Conselho Diretor do SINTEP-PB, na sede da entidade, em João Pessoa, cumprindo toda a pauta prevista. A principal deliberação da reunião foi a convocação de um dia de paralisação e mobilização para 24 de julho.

A reunião teve início com uma exposição do secretário de finanças Ronaldo Cruz sobre o balancete fiscal do ano 2018, que foi aprovado pela unanimidade dos presentes.

Sobre a eleição 2019 para renovação da Diretoria do SINTEP-PB, a avaliação geral é de que o sindicato saiu mais fortalecido do processo eleitoral, que contou com duas chapas na disputa e levou às urnas quase três mil sócios. Nas 14 regionais foi grande o debate na base sobre como avançar nas lutas da categoria e houve vários pedidos de novas filiações.

Também foi definida a data da posse da nova diretoria eleita: 30 de agosto. No dia seguinte, o Conselho Diretor da gestão 2019-2023 já realiza sua primeira reunião para definir os componentes da coordenação geral e os coordenadores de cada secretaria.

No ponto relativo à análise de conjuntura, foi consenso que o momento vivido pelo povo brasileiro, pela classe trabalhadora e, em particular, pelos trabalhadores e trabalhadoras em Educação exige das entidades classistas uma resposta enérgica. A Greve Geral de 14 de junho e os atos em defesa da Educação dos dias 15 e 30 de maio foram fundamentais para mobilizar os mais diversos setores sociais contra os cortes de verbas e contra a Reforma da Previdência, mas essas batalhas ainda não foram vencidas.

No próximo dia 12 de julho, haverá um ato nacional da Educação em Brasília, aproveitando a concentração estudantil do Congresso da UNE, bem como atos nos estados para fortalecer a mobilização em cada local. Desde já, a Diretoria do SINTEP-PB convoca toda a categoria para se somar à luta de rua neste dia.

Neste contexto, o diretor Edvaldo Faustino informou ainda sobre a realização da 9ª Conferência Nacional de Educação Paulo Freire da CNTE, sob o lema “Educação Libertária e Democracia Construindo o Movimento Pedagógico Latino-americano”, no final de junho. Antecedendo à Conferência, houve ainda reunião da Executiva da Conferência, que deliberou por uma Jornada Nacional de Lutas da categoria (clique aqui para ler).

24 de julho: paralisação e mobilização na Paraíba

Neste espírito de luta, a Direção do SINTEP-PB decidiu convocar para 24 de julho um dia de paralisação e mobilização em todo o Estado para que o Governo abra um canal de diálogo com a categoria, especialmente sobre o PCCR e a organização das escolas. “O Governo da Paraíba não respeita o regime de trabalho dos trabalhadores e trabalhadoras em Educação e não recebeu o sindicato uma vez sequer nestes seis primeiros meses da gestão João Azevedo”, afirma Antônio Arruda, coordenador geral do SINTEP-PB. Nos próximos dias, será divulgado o calendário de atividades.

Congresso da CUT

Por fim, o Conselho Diretor elegeu os representantes do SINTEP-PB para os Congressos Estadual e Nacional da CUT. Sendo os seguintes:

Congresso Estadual: Leônia Gomes, Zé Mário, Guia Costa, Antônio Arruda, Edvaldo Faustino, Genildo Brasil, Manoel Mendes, Soraya Cordeiro, Elizabeth Rodrigues Gouveia (Betinha) e Judith Morais. Suplentes: Fátima Morais, Fátima Rodrigues e Paulo Xavier.

Congresso Nacional: Socorro Ramalho, Keila Pimentel, Paulo Tavares, Leônia Gomes e Zé Mário. Suplentes: Cícera Isabel e Guia Costa.

Rafael Freire
(ASCOM SINTEP-PB)

Vejam as fotos: