• Postado: 26 October 2020
  • Categoria: Notícias

SINTEP reivindica que gestores escolares assumam responsabilidade se houver retorno às atividades presenciais

Nesta quinta-feira (22), foi discutida e aprovada uma minuta no Conselho Estadual de Educação, do qual o SINTEP faz parte, que visa o estabelecimento de normas educacionais para a organização do Sistema de Educação no Estado da Paraíba. A minuta segue para análise da Secretaria de Educação e o SINTEP espera que, na sua implementação, sejam observados protocolos de segurança necessários para evitar uma contaminação em massa pelo coronavírus.

Entre as propostas avaliadas na minuta, consta a revisão dos planos estratégicos escolares, a organização dos processos avaliativos, investimentos em atividades pedagógicas que possibilitem a readaptação das rotinas domiciliares para o retorno da vida escolar aos alunos, a reposição da carga horária suspensa, entre outros. Além disso, os gestores escolares terão que informar ao Conselho, os procedimentos pedagógicos e de biossegurança adotados pela instituição de ensino para garantir o retorno presencial em condições adequadas.

Antônio Arruda, coordenador-geral do SINTEP, comenta que quando houver a definição da data de retomada das atividades presenciais, a prioridade será garantir a proteção à saúde da comunidade escolar.

“As estratégias pedagógicas de retomada das atividades presenciais nas instituições pertencentes ao Sistema Estadual de Educação deverão respeitar os protocolos definidos pelo Plano Novo Normal para Educação da Paraíba. O SINTEP pressiona para que haja a implementação dessa resolução e o retorno das aulas aconteça com segurança para todos”, enfatizou Arruda.