• Postado: 24 November 2017
  • Categoria: Eventos

Reunião traz debate construtivo acerca da Escola Cidadã Integral

Nesta quarta-feira, 22.11, aconteceu um encontro de escolas da Primeira Regional, em João Pessoa. A reunião contou com a participação de 11 escolas estaduais, com professores e alunos marcando presença no sindicato. As intituições de ensino estadual que participaram fora a EEEFM  - Mons Pedro Anisio Bezerra Dantas, EEEFM  Prof Luiz Gonzaga de Albuquerque Burity, EEEFM  João Roberto Borges de Souza, EEEFM  Presidente Joao Goulart, EEEFM  José Guedes Cavalcante, Ene Prof. Maria do Carmo de Miranda, EEEFM  Pref. Oswaldo Pessoa, EEEFM  Francisca Ascensão Cunha, entre outras.

A Assessoria Jurídica do SINTEP-PB fez uma explanação acerca da Escola Cidadã e a Escola Cidadão Integral, porfessores e alunos realizaram intervenções pertinentes com os seus pontos de vista. A opinião é geral, as escolas estaduais do estado da Paraíba não comportam essa nova estrutura de ensino. Falta infraestrutura, professores, segurança, transporte e até mesmo alimentação para os alunos. O ensino integral, como proposto prlo Governador Ricardo Coutinho, simplesmente não pode ser implantada em nosso estado, de modo a proteger o melhor para toda a comunidade escolar.

Ansemo Catilho, advogado do nosso sindicato, irá trabalhar junto com o Ministério Público, pois envolver as ações desse orgão, é de extrema importância, no intuito de emitir um Mandado de Segurança contra a ação do Governo, para isso, é necessário coletar algumas informações das instituições de ensino estadual, tais como: 

1. Númeoro de alunos na esola;

2. Número de vagas ao tornar-se escola integral;

3. Relato acerca da infraestrutura escolar;

4. Registro fotográfico;

5. Lista com opções de nomes para fazer parte de uma comissão da comunidade escolar, contra a escola cidadã.

 

Dessa forma, serão utilizados os meios juridicos necessários para a não implantação da Escola Cidadão e Cidadã Integral.

 

Vejam as fotos: